Review – Okja (2017).

Por Calil Neto

04 de julho de 2017. 

Okja para mim já é um dos filmes mais fofos de 2017 dirigido pelo sul-coreano Bong Joon Ho também do mediano O Hospedeiro de 2006 com distribuição mundial do serviço de streaming Netflix e exibido anteriormente neste ano em premiere no Festival de Cannes.

No enredo temos uma garotinha Mija (An Seo Hyun) que é uma cuidadora de um grande animalzinho fofo modificado geneticamente em uma região montanhosa na Coréia do Sul conhecido como Okja. Vários desses animaizinhos, que são grandes porcos, são espalhados ao redor do mundo, e foram criados pela corporação Mirando comandado pela CEO Lucy (Tilda Swinton, que é também co-produtora do longa, e também faz o papel da irmã) com o intuito de mais tarde servirem de alimentação à população e diminuir a fome no planeta, um dos problemas globais.

Temos também no longa a organização que lida com as questões e direitos dos animais. ALF (Animal Liberation Front). Entre eles temos o personagem K, que é interpretado por Steven Yeun, o Glenn do seriado The Walking Dead, e temos também o apresentador de televisão e especialista em animais Dr Johnny Wilcox, interpretado por Jake Gyllenhaal.

Um belíssimo filme, com belíssimas localidades e cenários selecionados com brilhantes efeitos visuais de Erik-Jan de Bôer, em um filme que mostra a relação de amor entre uma jovem e um animal. A busca da garotinha em salvar seu animalzinho de estimação, em um filme que não deixa de ser uma crítica social das matanças de animais ao redor do mundo apenas com o intuito comercial. 

REPETINDO: UM DOS MAIS FOFOS FILMES DE 2017!

Nota: 3,5 de 5,0.

Anúncios

Donnie Darko (2001).

Donnie_Darko-454757435-large

Por Calil Neto

Assisti a sci-fi e horror Donnie Darko de 2001, dirigido e escrito por Richard Kelly, que mais tarde viria a dirigir A Caixa de 2009 com Cameron Diaz.

donnie-darko-4
O Medo versus o Amor – Um pensamento negativo versus um pensamento positivo.

Com um orçamento de 4,5 milhões de dólares e exibido no Festival de Sundance nos EUA em janeiro de 2001, temos como protagonista o melancólico jovem estudante Donnie Darko que é interpretado magistralmente por Jake Gyllenhaal (a pessoa ideal para o papel) que toma medicamentos e sofre alucinações com um tal de coelho humano que fala para ele cometer crimes pela cidade onde mora. Donnie se consulta sempre com a psiquiatra (Katharine Ross) para quem relata seus problemas.

Na produção temos um elenco estelar que além de Jake Gyllenhaal , tem Maggie Gyllenhaal irmã de Jake na vida real, o saudoso Patrick Swayze de Ghost: Do Outro Lado da Vida no papel de um especialista em auto-ajuda, e Drew Barrymore mais madura na carreira, no papel de uma das professoras de Darko.

bild_29_487x324

cap886
Os competentíssimos irmãos Gyllenhaal.

O longa envolve o sobrenatural, o filosófico, a alucinação, o AMOR versus o MEDO, a ficção científica com a abordagem da viagem no tempo (presente versus passado versus futuro).

donniedarko-24

Nada melhor do que ver Evil Dead no cinema.
Nada melhor do que ver The Evil Dead no cinema. The Evil Dead (Medo) X A Última Tentação de Cristo (Amor).

Um filme mediano que consegue entreter o espectador.

Indicado.

Nota: 3,0 de 5,0.