Review – Mãe! ( Mother! – 2017 )

 

Por Calil Neto

13 de dezembro de 2017.

Mãe! ( Mother! – 2017 ) do diretor norte-americano Darren Aronofsky é complexo, perturbador, insano e sombrio. É um filme que dividiu opiniões por causa de sua complexidade, mas sem dúvida alguma é uma obra-prima e parece que é uma pintura diante do olhar do espectador.  É aquele filme para se assistir diversas vezes!

 

Dirigido e escrito por Darren Aronofsky, não sabemos se o que estamos assistindo é um sonho, uma realidade, um delírio, em um filme onde não temos nomes para os personagens centrais, acredito que o mais importante no filme não são os personagens, mas sim a trama em si, em uma casa em um lugar interiorano onde vive um casal a sua simples e pacata vida. Um escritor interpretado pelo talentoso Javier Bardem que é uma celebridade-escritor de livros de poemas e a esposa, a bela jovem vivida por  Jennifer Lawrence. Aparece no primeiro ato a inesperada visita do personagem de Ed Harris e depois chega na casa a sua esposa vivida pela excelente Michelle Pfeiffer, dupla de veteranos no cinema que ainda se destacam em seus papéis. Descobre-se que o personagem de Ed Harris tem entre os seus objetos pessoais uma foto do escritor vivido por Javier Bardem. Depois do desaparecimento desse casal após uma briga entre eles e os filhos, do nada começam a surgir diversos fãs atrás do escritor para conseguir um autógrafo e uma experiência ao seu lado do ídolo, e a personagem de Jennifer Lawrence mais para depois de 60 minutos de exibição do filme fica grávida e passa a ser atormentada por esses fãs e a imprensa. O personagem de Bardem sempre tranquilão e querendo acolher muito bem seus admiradores.

 

 

Mãe! mostra a vida de uma personalidade famosa que tem a invasão da sua privacidade. Principalmente para a devotada esposa de Javier Bardem, que não gosta nada da recepção acalorada do marido aos insanos visitantes.  O personagem de Bardem está mais preocupado com a carreira profissional do que com a vida familiar e a esposa em si. Maior papel até então de Jennifer Lawrence na telona.

 

Sem dúvida para mim assistir Mãe! é uma experiência gratificante. É um lindo filme, surpreendente.

Nota: 4,0 de 5,0.

Anúncios