Review – Blade Runner, o Caçador de Andróides (1982).

8ab15d0ee266e49e7e39822681bb2c45

Por Calil Neto

17 de outubro de 2017

Assistindo pela enésima vez o filme, fiz um comentário mais recente sobre esse clássico.

O longa Blade Runner dirigido por Ridley Scott é um dos maiores representantes do subgênero cyberpunk, dentro do gênero ficção-científica dos anos 80, em adaptação de obra clássica de Philip K.Dick, o livro Andróides Sonham com Ovelhas Negras ?.

No enredo que passa no ano de 2019 é simples temos um policial e detetive Rick Deckard, interpretado por Harrison Ford, que tem a missão de capturar replicantes ou andróides que se assemelham com os humanos. Os belos efeitos especiais já para os anos 1980  estão nas mãos de Douglas Trumbull, que também trabalhou no maior clássico para mim dos anos do século passado, 2001: Uma Odisséia no espaço (1968).

blade

Resumindo: O longa é a briga entre humanos e replicantes, que são robôs com inteligência artificial que são usados como escravos e enviados para os outros planetas na missão de exploração e colonização destes planetas. Alguns fazem besteiras lá fora e são considerados na volta à Terra como perigosos e devem ser exterminados. Aí que aparecem os exterminadores de replicantes, que são robôs muito inteligentes e se assemelham muito com o ser humano. Além de ser uma trama visionária, este filme não deixa de ser filosófico e não deixa de fazer o espectador refletir da relação em pleno século XXI entre o Homem e a máquina, a dependência do Homem em relação à máquina. Será que um dia a máquina vai superar a inteligência do Homem? A máquina um dia poderá ter sentimentos humanos?

O longa após 35 anos ganha uma sequência em 2017, Blade Runner 2049, com um dos grandes diretores dos próximos anos e promessa Denis Villeneuve, com Ridley Scott, como produtor-executivo. Harrison Ford volta a reprisar seu papel. E essa sequência ainda tem Ryan Gosling, um dos atores mais requisitados do cinema americano atual e Jared Leto, o Coringa do ressurgimento dos filmes do universo compartilhado da DC, em uma era pós- Heath Ledger.

Um clássico!

blade-runner-1982-2

Nota:4,0 de 5,0.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s