Review – O Monstro do Pântano (1982).

O Monstro do Pântano

Por Calil Neto

O diretor norte-americano Wes Craven falecido em agosto de 2015 foi um dos mestres do cinema de horror do século XX. O Monstro do Pântano (Swamp Thing) é uma pérola divertida da carreira de Craven, adaptação de HQ da DC Comics. Com direção e roteiro de Wes Craven no enredo temos um cientista Dr. Alec Holland interpretado por Ray Wise, o pai de Laura Palmer no seriado Twin Peaks, que encontra uma fórmula para acabar com a fome no mundo e mudar os rumos da civilização para sempre através de um experimento com uma planta local. Só que tem uns homens que querem roubar os manuscritos desta fórmula e a fórmula bem sucedida deste Dr. Alec.

fxbp5vpwvtruorqxdtgt

Em uma destas tentativas de roubo da fórmula, o doutor começa a pegar fogo, entra em contato com a fórmula e cai em um pântano e se transforma no monstro do pântano.

Adrienne Barbeau (de A Bruma Assassina, Creepshow: Show de Horrores) faz o papel da  agente do governo Alice Cable que junto com o apaixonado monstro do pântano vão lutar contra os bandidos.

Mutant-Dr.-Arcane-and-Swamp-Thing

O monstro do pântano é interpretado pelo dublê Dick Durock.

MV5BODY0NDMwNzE1MF5BMl5BanBnXkFtZTcwOTYyMTM3NA@@._V1_

A produção ganhou uma sequência em 1989 com A volta do monstro do Pântano, dirigida por Jim Wynorski.

O filme apesar de datado é um belíssimo entretenimento para os fãs de Wes Craven.

Diversão na certa para o espectador menos exigente.

Nota: 3,0 de 5,0.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s