Review – Os Filhos do Medo (1979).

1354679827_9500_Untitled-11

Por Calil Neto

Os Filhos do Medo é uma produção de 1979 dirigida e escrita pelo competentíssimo canadense David Cronenberg. Um dos meus preferidos diretores.

Na narrativa temos uma mulher que está aos cuidados de um psicólogo que usa uma técnica inovadora de teatro (uma forma de terapia) para tirar os bloqueios psicológicos de sua paciente. Várias pessoas interligadas a essa mulher passam a ser assassinadas por crianças deformadas. SPOILER A fúria da mulher interpretada muito bem por Samantha Eggar é descontada nas vítimas através dessas crianças deformadas, que são filhas da mulher.

the-brood-nola
Samantha Eggar.

 

Esse é um dos filmes mais pessoais de Cronenberg que na época estava passando por um processo de divórcio de sua ex-mulher e lutando pela guarda da filha.  Os Filhos do Medo é um filme bem mais profundo e emotivo do que os filmes anteriores, Calafrios (1975) e Enraivecida na Fúria do Sexo (1977).

Um belo filme com belos efeitos especiais práticos e trabalho de maquiagem.

Nota: 4,0 de 5,0.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s