A Metade Negra (1993).

A Metade Negra (1993)

Por Calil Neto

Assisti A Metade Negra, que é adaptação da obra homônima, The Dark Half, de Stephen King, dirigida e escrita pelo pai dos zumbis modernos, George A. Romero.

Recapitulando: o filme A Metade Negra foi lançado em 2013 em DVD no Brasil pela coleção MGM Clássicos, juntamente com outro clássico Chamas da Vingança, com a pequena Drew Barrymore, em começo de carreira, após o sucesso de ET – O Extraterrestre, do magnânimo senhor Spielberg.

O livro The Dark Half foi escrito como uma resposta do próprio escritor Stephen King a descoberta pelo público, de que King e seu pseudônimo Richard Bachman eram a mesma pessoa. Outra pessoa que escreveu recentemente como pseudônimo, sem entrar em muitos detalhes, foi J.K.Rowling que assinou como Robert Galbraith, em O Chamado do Cuco.

A Metade Negra, filmado entre 90 e 91,  estreou nos cinemas em 1993, e apresenta em sua narrativa o dia a dia do escritor Thad Beaumont  que tem um tumor na cabeça, e que mata seu pseudônimo, George Stark, realizando até um enterro fictício para ele. O pseudônimo escapa do cemitério onde foi enterrado e parte em busca de vingança.

Pessoas ligadas e envolvidas ao escritor, como editores e família, são perseguidas misteriosamente pelo pseudônimo que deseja que o escritor continue a escrever sob o seu pseudônimo e não o elimine da face literária terrena.

O ator que faz Thad Beaumont e Stark é o mesmo, Timothy Hutton, que trabalhou também em outra adaptação do mestre King, A Janela Secreta (2004). George Romero conseguiu unir o mesmo ator, com dois personagens diferentes, em uma mesma cena, mostrando maestria na direção.

dark-half-timothy-hutton-george-stark-and-thad-beaumont-twins-smoking

George Stark passa a ser a outra metade negra de Thad Beaumont, com todos os seus vícios e defeitos. A outra metade que Thad quer eliminar de sua vida.

Em A Metade Negra temos a ilustre presença do ator Michael Rooker que fez o personagem Merle no seriado The Walking Dead, ainda bem novinho, na pele  do policial Alan Pangborn.  

Parceria de sucesso

George A. Romero e Stephen King.
George A. Romero e Stephen King.

Romero e King se uniram também na antologia Creepshow – Show de Horrores, onde Romero dirigiu, e King , escreveu o roteiro, alguns baseados em seus contos. Romero também roteirizou Um Gato do Inferno, baseado em conto de King, da antologia movie Contos da Escuridão (1990), baseado no seriado  de televisão Tales from the Darkside. (1983-88) 

George A. Romero foi indicado como melhor Diretor, e John Vulich e Everett Burrell foram indicados como melhor maquiagem no Saturn Awards. Já Paul Hunt e Nick McCarthy venceram como melhor roteiristas, e  Timothy Hutton venceu como melhor ator no Fantafestival de 1993.

É uma produção mediana, que teve um orçamento modesto de 15 milhões de dólares, com bons diálogos e atmosfera sombria, marca de King, arrecadando um irrelevante valor nas bilheterias, mas que apenas por reunir nomes importantes como King e Romero na mesma produção, se torna um filme digno para  se dar uma espiadinha.

Nota: 3,0 de 5,0.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s