Círculo de Fogo (2013).

Círculo de Fogo (2013)

Por Calil Neto

Uma mistura da franquia Transformers, com um pouco de Power Rangers, e muitas referências nipônicas. Essa é a fórmula para o sucesso de Círculo de Fogo (2013), que estreou em agosto de 2013 nos cinemas brasileiros.

O longa é dirigido pelo competente diretor mexicano Guillermo Del Toro, de Hellboy, A Espinha do Diabo, O Labirinto do Fauno, produtor executivo do Mama (2013), dirigido por Andrés Muschietti, escrito pelo próprio e Travis Beacham  (Fúria de Titãs), e é uma ficção científica em um mundo a beira dos caos e da extinção, dominado por maldosos monstros alienígenas, os kaiju, que se assemelham a dinossauros pré-históricos que lutam contra gigantescos  robôs, os jaeger,  comandados neurologicamente e pilotados por humanos.

PACIFIC RIM

Círculo de Fogo, além de muita ação e lutas, também traz romantismo ao cenário em devastação, como o relacionamento entre Raleigh Becket (Charlie Hunnam) e a bela oriental Mako Mori ( Rinko Kikuchi)  e algumas pitadas de humor, com o Dr. Newton Geiszler (Charlie Day), e o figuraça mercador Hannibal Chau (Ron Perlman), um ator muito querido pelo diretor Del Toro.

pacific-rim

Também temos a superação de traumas de infância, ou traumas de guerras dos personagens.

(OBS: O que me deixou (muito) indignado foi Raleigh Becket não ter beijado Mako no filme…)

PACIFIC RIM

Ótima recomendação!!!!

Curiosidades:

Círculo de Fogo teve o monstruoso orçamento de 180 milhões de dólares, para a realização dos efeitos especiais e digitais, entre outras cositas.

O jornal Diário do Exército da Libertação Popular, porta-voz das Forças Armadas da China, publicou duras críticas ao filme, acusando-o de retratar a atual política militar norte-americana e seu desejo de exercer uma influência cada vez maior na Ásia Oriental.

Ron Perlman ao centro.
Ron Perlman ao centro.

Ron Perlman trabalhou com Del Toro em Cronos (1993), Blade 2 – O Caçador de Vampiros (2002), Hellboy (2004) e  Hellboy 2 – O Exército Dourado (2008), e está cogitado para atuar também em Hellboy 3

Rinko Kikuchi

A japonesa Rinko Kikuchi atuou também nos filmes Babel (2006), dirigido por Alejandro Gonzáles Iñárritu, e Vigaristas (2008), dirigido por Rian Johnson.

Nota: 3,5 de 5,0.

Anúncios

The Canyons (2013).

The Canyons (2013)

Por Calil Neto

Uma produção com a polêmica e encrenqueira Lindsay Lohan. com a presença do mega star pornô James Deen, misturado a sexo, orgias e drogas, tem todos os ingredientes para ser um sucesso de público e atrair a todos os olhares, não é caríssimos?

O thriller erótico The Canyons, é dirigido por Paul Schrader (Hardcore – No Submundo do Sexo, Gigolô Americano, A Marca da Pantera, Domínio: Prequela do Exorcista), e estreou em cinemas limitados americanos em 02 de agosto de 2013,  sendo roteirizado por Bret Easton Ellis, autor do livro Psicopata Americano, que deu origem ao filme de 1999-2000, estrelado pelo galã Christian Bale, o Batman da geração de Christopher Nolan.

O orçamento do longa, independente, foi baixíssimo e arrecadado através do crowdfunding, estimado em cerca de 250.000 dólares, e é distribuido pela IFC Films.

WEK_TheCanyons_0801

No enredo, James Deen faz o papel de um produtor de cinema, Christian, que curte filmar suas perfomances sexuais, e junto com Tara (Lindsay Lohan, não sei se o nome vem de taras sexuais, mas tudo bem), querem filmar um novo filme com Ryan (Nolan Gerard Funk) no papel do protagonista.

Traições, drama, suspeitas, jogos de interesses, obsessões, novas tecnologias e a invasão de privacidade, estarão em destaques no novo filme de Schrader. Além de peitinhos, e sexo, mas nada tão explícito, para a infelicidade dos tarados marmanjões.

img-4710-lindsay-lohan

O bom da  produção é que presenciamos Lindsay Lohan, em forma e bela como sempre, perseverando em sua carreira de atriz, apesar dos deslizes pessoais, e as temporadas vivendo em clínicas de reabilitação.

Um filme mediano, com belas mulheres, e belíssimas localizações e ambientalizações na direção de arte, que vale a pena ser conferido, mas sem grandes expectativas por parte do espectador.

A atuação de Lindsay Lohan e James Deen em uma mesma produção, e a trama em si, aparentam não ter agradado a todos os apreciadores da sétima arte, e foi massacrado pela crítica especializada. Mas quem agrada a todos não é?

Tenille Houston e James Deen.
Tenille Houston e James Deen.

Curiosidades:

Sir Gus Van Sant...
Sir Gus Van Sant…

Como curiosidade, temos a participação do diretor Gus Van Sant ( responsável pelo remake de Psicose e Gênio Indomável), no papel do psicólogo de Christian, o Dr. Campbell, em uma curta aparição e ilustre presença.

The Canyons, pode ser a pior bilheteria na carreira da atriz Lindsay Lohan. O filme arrecadou no primeiro final de semana nos EUA apenas 13.000 dólares.

Nota: 3,0 de 5,0.

Terror no Sofá em recesso…

Terror no SofáPor Calil Neto

Vocês devem ter percebido que não atualizei mais o blog… Então venho-lhes informar que postarei somente esporadicamente algo ligado ao mundo trash, tosco, de ficção científica, ou de horror.

Assisto muitos filmes, de diversos gêneros, e estou deixando o horror, principalmente, em segundo plano, pois já basta da violência que vemos em nosso dia a dia, e ficar preso somente no gênero não cai bem para a minha pessoa. Pelo menos para mim.

Agradeço a todos que curtem o blog no Facebook, e ao carinho de todos. E digo o blog não morreu.

(Só digo que os posts serão realizados esporadicamente).

Obrigado a todos!!!! Abracitos e beijosss.