Review – The Devil Inside ( Filha do Mal – 2012).

Por Calil Neto

A “Filha do Mal” (The Devil Inside – EUA/ 2012) é um terror barato de exorcismo do diretor William Brent Bell, com auxílio no roteiro de Matthew Peterman, que segue a mesma linha de filmes do gênero como “O Último Exorcismo” (2010), no formato mockumentary (falso documentário).

SPOILERS

O filme logo no começo afirma polêmicamente que a obra cinematográfica em questão não é aprovada pelo Vaticano…

(…) e marca a estreia no cinema da bela atriz brasileira Fernanda Andrade no papel de Isabella Rossi, que é filha de Maria Rossi (Suzan Crowley), que foi acusada de cometer triplo assassinato durante uma sessão de exorcismo, quando Isabella era ainda pequena.

Maria Rossi é acusada de ter problemas psicológicos e é enviada a um hospital psiquiátrico na Itália

the-devil-inside-review1

(…) 20 anos se passam e sua filha Isabella parte dos EUA a Itália para realizar um documentário e (ao mesmo tempo) descobrir o que realmente aconteceu com a sua mãe no dia do crime…

(Perguntas que não querem calar:)

  1. A mãe de Isabella estaria possuída pelo demônio durante a prática do polêmico crime?
  2. Ou possue problemas emocionais e psicológicos que podem a ter influenciado? 

Outra questão: A mãe de Isabella é realmente a pessoa que cometeu esses terríveis crimes? 

E agora, o que fazer?

Isabella no Vaticano então passa a freqüentar escolas de exorcismo… e conhece padres que realizam o exorcismo clandestinamente, sem a autorização da Igreja Católica.

É o caso dos padres David (Evan Helmuth) e Ben (Simon Quaterman), que juntamente com o amigo de Isabella, Michael (Ionut Grama), colaboram em uma maior elaboração do documentário e no auxílio para desvendar o caso da possível possessão da mãe da garota.

Pelo jeito caríssimo leitor… o demônio está a solta mesmo… e  “Filha do Mal” é mais um filme de exorcismo sem nenhuma novidade.

A ” Filha do Mal” assusta em poucas cenas… diferente como aparentava o trailer divulgado previamente, como os momentos  dos corpos contorcidos dos possuídos, não tendo a obra em questão uma concreta conclusão, com um final descabido, o que torna “ Filha do Mal” um dos piores filmes do subgênero exorcismo.

(Infelizmente…)

Saudades da época de “O Exorcista” (1973) de William Friedkin.

(OBS: Já não se fazem mais filmes de exorcismo como antigamente…)

Rimou. Rs…

Nota: 2,5 de 5,0.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s